Galeriacores / Home I ForumsIGrupo/Groups I Cartoons I Publicações I Culinária/Recipes

Altar virtual /Chapel I Notícias dos Açores I Notícias da Graciosa I Links I Fotos-Photos


sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

Meo agora também disponível no PC


Qualidade da imagem é um dos factores de diferenciação do Meo@PC, novo serviço de TV, via computador do operador Meo


O Meo, serviço de televisão por subscrição da Portugal Telecom (PT), está disponível a partir de ontem, também, através do computador, na versão beta, ainda em experiência-piloto. O Meo@PC junta-se assim às plataformas de IPTV (sobre ADSL e fibra óptica), satélite e mobile, "completando um ciclo de mobilidade e total acessibilidade", refere o operador.


Nesta experiência,o piloto Meo estará acessível através da Internet, em www.meo.pt/preregisto, com as principais funcionalidades disponíveis na oferta de televisão e com total mobilidade para os utilizadores do VideoClube, onde é possível aceder ao catálogo de filmes, visualização de trailers, aluguer e pesquisa de filmes, e da televisão, com lista e visualização de canais, grelha de programa-ção, pesquisa de programas e canais, com a possibilidade de recuar/avançar na emissão.


"A disponibilização online do Meo deve-se não só à rápida evolução do mercado de banda larga em Portugal, que permite velocidades até 100 Mbps, mas, também, a uma vasta rede de servidores Meo IPTV distribuídos por todo o País, que garantem uma gestão de rede única, com mais eficiência e capacidade de distribuição e protecção de conteúdos", justifica o operador de TV da PT, acrescentando que a "elevada qualidade de imagem irá surpreender e é um dos factores-chave de diferenciação do Meo@PC".


A emissão através de streaming adaptativo que garante uma reprodução ininterrupta de vídeo, fará com que a experiência de visualização surja sem interrupções, em tudo semelhante àquela que estamos habituados a ver em casa.


Para se candidatar à versão Beta deste serviço, é necessário proceder a um pré-registo em, www.meo.pt/preregisto, até 22 deste mês. As cem inscrições seleccionadas terão acesso gratuito durante seis semanas, a partir de 1 de Março, a quatro canais (SIC Notícias, SIC K, RTPN, e Eurosport) e a cem filmes no VideoClube, sendo que estes utilizadores terão de residir em Portugal e ter um serviço de acesso à Internet com mais de 1 Mbps, informa ainda o Meo.


Fonte: DN

Etiquetas: , , ,

quinta-feira, 30 de Abril de 2009

Saiba quais são os televisores compatíveis com a TDT



Com a substituição da televisão "tradicional" pela Televisão Digital Terrestre (TDT), surgem dúvidas sobre a compatibilidade dos modelos e o equipamento necessário. Veja aqui como encontrar essa informação.

Os sinais analógico e digital irão coexistir até 26 de Abril de 2012, pelo menos.

Segundo a DECO, os consumidores não devem precipitar-se na compra de equipamentos, já que com a concorrência é de esperar a diminuição dos preços.

Quem receber o sinal de televisão pela antena hertziana clássica (no telhado) deverá comprar uma caixa descodificadora, que custará entre 100 e 200 euros, ou um televisor compatível. Quem tem televisão por cabo ou ADSL não precisa de adquirir novos equipamentos.

Se comprar um televisor novo ou caixa descodificadora, assegure-se de que são compatíveis com o formato digital. Reconhecem-se pelos logótipos HDTV ou HDTV1080p ou referência à norma MPEG4/H.264.

Veja aqui os televisores LCD e plasma compatíveis com a TDT

Etiquetas: , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 29 de Abril de 2009

Televisão digital já começou a funcionar


A Televisão Digital Terrestre (TDT) já está em funcionamento e para um número acima do anunciado previamente pela Portugal Telecom, que lançou o serviço esta quarta-feira: 40 por cento da população já está coberta pela nova tecnologia.

Os números iniciais falavam em oito a dez concelhos, mas a TDT está disponível em 29 localidades. São elas Alcochete, Almada, Alpiarça, Amadora, Barreiro, Benavente, Chaves, Coimbra, Entroncamento, Évora, Faro, Funchal, Gaia, Golegã, Lisboa, Mangualde, Matosinhos, Moita, Montijo, Oeiras, Olhão, Palmela, Ponta Delgada, Porto, Salvaterra de Magos, Seixal, Sintra, Torres Novas e Viana do Castelo.

Veja se a sua zona já está coberta pela TDT aqui

«Estamos a preparar Portugal para, se quiser, poder desligar o sinal analógico em 2010. Ou seja em três anos», disse o presidente da Portugal Telecom (PT), Zeinal Bava, na sessão de lançamento da tecnologia, que decorreu esta quarta-feira em Lisboa, na sede da operadora. Em cima da mesa, mantém-se o objectivo de chegar ao fim deste ano com 80% da população coberta, embora se assuma que este objectivo também pode ser antecipado.

O presidente da PT recordou que Portugal avança assim mais rápido que outros países, casos da Espanha que demorou 11 anos a preparar o switch off, ou seja o fim do sinal analógico, ou o Reino Unido, que o fez em 15 anos. No entanto, o Governo mantém a data para apagar o sinal analógico, apesar da antecipação da PT: 26 de Abril de 2012.

A televisão digital inclui em transmissão digital a RTP1, RTP2, SIC, TVI, RTP Açores e RTP Madeira.

Vai haver subsidiação para caixas

«Estamos a falar de democracia digital», sintetizou Zeinal Bava sobre o impacto da nova tecnologia.

A PT estima que dos 4,5 milhões de lares portugueses, 47%, ou seja cerca de 2 milhões, sejam o alvo da TDT por não deterem actualmente televisão por subscrição (cabo ou satélite). Destes, e para se saber quantas caixas descodificadoras serão necessárias, é preciso descontar o número de pessoas que detêm televisões preparadas para receber o sinal (a grande maioria dos LCD mais recentes já o permitem).

Veja as fotos do lançamento da TDT A sua televisão é compatível?

De acordo com o presidente da PT, a empresa não terá responsabilidade na comercialização das ditas caixas, que podem ser adquiridas nas lojas, a não ser na subsidiação para lares mais carenciados. As condições para estas ajudas ainda estão por determinar e Zeinal Bava reconhece que o preço dos aparelhos descodificadores ainda é caro: ronda os 80 a 90 euros e as mais simples podem chegar a 30 ou 40 euros. No entanto, espera-se descida dos preços até ao momento de apagar o sinal analógico.

«Estamos a ajudar a indústria de equipamentos a produzir produtos melhores e mais baratos», disse o presidente da PT aos jornalistas.

Esperam-se vários modelos e marcas de descodificadores que estarão disponíveis para venda no mercado, uns mais simples com funções de recepção de sinal e outros com funcionalidades mais avançadas.

A TDT vai permitir canais com imagem e som de transmissão digital, extensão de conteúdos em alta definição, novas funcionalidades e possibilidade de recepção a outros equipamentos, nomeadamente o computador. Além disso há serviços para cidadãos com necessidades especiais, transmissão em formato 16:9 e serviços, nas funcionalidades mais avançadas (às quais corresponde também uma caixa mais sofisticada), como pausa na emissão, guia de programação, gravação de conteúdos e barra de programação.

«Vamos poder ter os mesmos conteúdos em vários tipos de equipamentos», sintetizou Zeinal Bava na referida apresentação.

Leia sobre este tema:

É possível ver Televisão Digital também no computadorTMN lança placa de banda larga com receptor de sinal

Lino: «Há luta grande de interesses no espectro digital»Ministro das Obras Públicas enaltece novos serviços possibilitados por TDT


Etiquetas: , , , , ,

Electronics Newsfeed:

Google




Curiosidades
TV grátis via Satélite
Satellite free TV
Notícias dos Açores
Desgarradas pela Internet
O mundo da música grátis
Plantas Milagrosas
Saúde e dietas
Galeriacores cartoon humor